Publicado por: Ana | Julho 31, 2006

O dia caía sobre a cidade dando lugar à noite, momento de segredos não revelados.
Respirou a plenitude da paisagem que se abria aos seus olhos e sentou-se, apreciando-a.
Uma brisa suave tocou-lhe o corpo e provocou-lhe um leve arrepio; soube-lhe bem, depois do dia de calor intenso.
Sentou-se e um suave torpor tomou-lhe conta do corpo, fazendo com que adormecesse.
Sonhou. Não importa o quê, foram sonhos bons, mas apenas ilusões como todos os sonhos.
Acordou gelada, já a noite ia alta. A escuridão era agora total, apenas entrecortada pelas luzes da cidade que, ao longe, mostrava alguma vida.
Recolheu a casa.
Os sonhos?
Deixou-os fechados lá fora…

Foto tirada da varanda cá de casa, gostaram da foto anterior agora aturam-me!


Responses

  1. Voltou a encontrá-los na noite seguinte?

  2. passei ao fim da noite e , como sempre, gostei muito do teu post. Repito: pequeno,simples, muito bem estruturado. Quanto à fotografia: maravilhosa! continua a fazê-las e a publicá-las.
    beijos

  3. Adorei! 🙂

    Beijinho*

  4. Não.
    Os sonhos levam-se sempre connosco.

    Beijinho

  5. muito bonita a imagem e o texto :)))

    beijinhos

  6. passei por aqui ao princípio da manhã. Agora proponho-te que fotografes a cidade ao alvorecer.
    beijos

  7. A foto está bonita, mas mais bonito está o texto. Gosto cada vez mais da tua Poesia disfarçada de Prosa. Beijos

  8. Olha olha… e nao é q ela mora proximo de um capo de futebol?! eheheh

  9. Bem, decididamente, quero ser teu vizinho.
    Com imagens dessas…
    Acho que já sou teu vizinho, pelo menos o Tejo passa mesmo aqui ao lado.
    Também tenho um campo de futebol.
    Tu queres ver…
    Foto excelente, mas desta vez, o texto supera-a, agora imagina a qualidade do texto, até para mim que não sou muito dado a leituras.
    Beijo.

  10. Ana…tens uma vista espectacular!

    Adorei!

    beijos

  11. e.a., quem sabe?

    Obrigada, alfazema *

    musician, beijos 🙂

    Ana Garret… nem sempre, sabes? Há sonhos que, de dolorosos, ficam melhor fechados lá fora…

    Beijinhos, cristina

    blugaridades, isso é que se torna complicado… eu sou mais uma mulher da noite. Mas vou tentar 🙂

    Obrigada, anamoris. Beijinhos especiais 😉

    Filipe, na mouche 😉

    ah ah amazing, duvido mas, quem sabe?

    Por acaso tenho, sandra.. mas sempre melhor ao pôr-do-sol… beijos*

  12. Os sonhos são para serem vividos.
    Bonita a foto 🙂

    bj*

  13. Olá Ana, e sobre esta foto vou ser presunçoso 😉
    Tens-a aqui porque te disse que era a hora do dia que mais gostava!
    És uma querida…
    eheheheheheh

    As palavras que lhe emprestas são muito sentidas, gosto, é como que se sentisse a brisa fresca…

    Kiss pour toi, até outro instante!

  14. eh eh eh louco, fazes jus ao nome 😉


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: