Publicado por: Ana | Março 28, 2006

E pronto…

Dias complicados, até ao fim da semana…
Reuniões, muito trabalho, idas e vindas a Lisboa, fim de semana já programado. Há alturas em que gostava de ser duas ou que o dia tivesse mais algumas horas. Como sei que não é possível, agendo tudo para rentabilizar ao máximo o tempo.
Há, no entanto, algumas palavras mágicas que têm o condão de mudar tudo:
_”Mãe, tenho frio… e dói-me a cabeça”. Febre? 37,5ºC.
Isto foi ontem; o instinto e a experiência deixaram-me de sobreaviso. Hoje de manhã: 40º C de febre.
Olho para o meu menino a quem, para dar um beijo, já tenho que me pôr em bicos dos pés.
O meu bebé que cresceu tanto e tão depressa. Depressa demais.
Criança grande, com olhos brilhantes de febre em busca de socorro, a tremer de frio.
_”Mãe, ’tou mal disposto…”
Queria poder dar-lhe colo e percebo que ele já cá não cabe. Abraço-o, um abraço apertado de cumplicidade. Médico, análises, Rx. Medicação com o alívio de um diagnóstico ligeiro.
De repente não há mais trabalho, reuniões, viagens.
Apenas uma Mãe que fica em casa com um filho que precisa dela. E que prefere a sua companhia, nestas alturas, à de todas as outras pessoas.
Um papel que não troco por nada deste mundo.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: