Publicado por: Ana | Outubro 4, 2005

Passo em frente

Esboçou um sorriso triste como ela. Deu um passo em frente.
Aspirou o ar fresco da manhã e deixou que este lhe invadisse o peito, renovando-a por dentro e por fora.
Um arrepio de frio percorreu-lhe o corpo, levando-a a aconchegar-se mais no fino casaco de lã.
O vento fazia com que os seus cabelos esvoaçassem, afastando-lhos da cara.
Fechou os olhos e deu outro passo em frente. Respirou fundo.
Olhou o mar lá em baixo, revolto, e deixou que os salpicos lhe atingissem os pés, as mãos, a cara…
Deu mais um passo em frente. Respirou fundo.
Susteve a respiração e começou a chorar.
Deitou-se na erva seca e ali ficou até o sol se pôr.
Depois caminhou, já noite, à beira do precipício até casa. Para mais um dia.
Um só de cada vez.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: