Publicado por: Ana | Agosto 31, 2005

Chora…
Solta tudo o que tens dentro de ti, deixa que as lágrimas de libertem dessa tristeza constante que não sabes ou queres explicar.
Desata o nó que trazes no peito, grita, bate, ofende…e chora.
Deixa que as lágrimas se transformem no ribeiro que vai transportar todas as tuas angústias, os teus medos, as tuas revoltas.
Não tenhas medo, que a Vida segue sempre, serena. Nós é que lhes acrescentamos curvas tortuosas que, por vezes, nos fazem derrapar.
Levanta a cabeça, respira fundo, aceita o que tens de bom e deita fora o que te faz chorar. Porque nada, nem ninguém, merece que se chore assim.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: